O Mundo Original




E eis que surge o grito do ipiranga


E-mail this post



Remember me (?)



All personal information that you provide here will be governed by the Privacy Policy of Blogger.com. More...



Queria apenas dizer a todos os meus comparsas bloguistas que isto aqui...isto aqui... É tudo uma cambada de gatunos (arbitros da superliga), uma cambada de ladrões (impostos, logo o Estado português) e uma cambada de chupistas (prostitutas de qq lado). Aqui vai o grito: Se pussessem as prostitutas a declarar rendimento, a profissão tornava-se mais segura, criava mais empregos, elas pagavam impostos e reduziam a carga tributária ao José Médio (adaptado do Average Joe). Ora se a prostituição se tornava legal, as meninas que o Pintinho da Costa pagaria aos arbitros seriam tão inofensivas como um queijinho da serra (um famoso presente q os arbitros recebem quando vão apitar um jogo à minha zona). Quem é que se lixa no meio de isto tudo? Não são os clubes grandes que ainda podem pagar o fisco até 2010, coitados... Quem se lixa aqui são as mulheres dos árbitros... Ó que destino vil e cruel para tal espécie..


3 Responses to “E eis que surge o grito do ipiranga”

  1. Anonymous Anónimo 
  2. Anonymous Anónimo 

    Wonderful and informative web site. I used information from that site its great. here

  3. Anonymous Anónimo 
  4. Links para esta posta:

    Criar uma hiperligação

Comentar


mundooriginal@gmail.com

Previous posts

A Arca do Tempo

Links


ATOM 0.3

Visitantes:

This page is powered by Blogger. Isn't yours?

Get Firefox!

Bug Me Not!